Qual o prazo para a compra on-line?

Qual o prazo para a compra on-line?

Isso também pode acontecer quando há insatisfação do cliente com o produto ou o serviço adquirido. Independentemente da causa, a legislação também não ajuda o vendedor, especialmente no caso de e-commerces. Para todas as compras on-line existe um prazo de 180 dias para contestação, contando a partir da última parcela.

Quando será efetuado o pagamento?

A determinação do tempo em que o pagamento será efetuado, é por meio de um contrato. Na maior parte das vezes, estabelecido um período mínimo e, se o serviço for cancelado antes do fim deste prazo, o cliente precisará pagar uma multa pela rescisão.

Qual a melhor forma de pagamento a prazo?

Essa forma de compra a prazo não é indicada para quem possui uma baixa renda ou que não consigam um pagamento fixo por mês, porque por mais disciplinado que seja, fica difícil acompanhar os valores. As por meio do pagamento a prazo com prestações sem acréscimo podem ser uma boa solução.

LEIA TAMBÉM:   Quais os perigos da anemia infantil?

Por que as compras por parcelamento fazem parte da vida do consumidor?

As compras por meio do parcelamento já fazem parte da vida do consumidor, principalmente, quando as parceladas são sem juros. Elas permitem que muitas pessoas possam comprar eletrodomésticos possuem um valor mais alto.

Por que o antigo dono não se acertou com o seu contrato?

O antigo dono não “fez acerto” porque o contrato não se encerrou. Se você quiser sair do emprego deve pedir demissão. Lembro que o seu contrato é o mesmo desde quando você foi contratada.

Posso utilizar o CNPJ de outra pessoa para fazer compras?

Posso utilizar o CNPJ de outra pessoa para fazer compras? Não se pode comprar coisas em nome de outrem, sem a sua devida AUTORIZAÇÃO, isso constitui CRIME e é passível até de prisão, caso consiga a comprovação do ato. Quem vendeu também poderá ser responsabilizado.

Quando você compra em nome do CNPJ da empresa?

Quando você recebe mercadorias em nome do CNPJ da empresa, é uma entrada de produtos no estoque, e se não vende essa mercadoria, ela não será baixada do estoque. Se os produtos forem para consumo pessoal, observe que deverá utilizar a compra com pró-labore (salário) determinado pelo titular/sócio da empresa e efetivar as contas desejadas.