O que é um risco segurável?

Aquele que, por sua natureza, é possível ser segurado; isto é, cumpre as características essenciais do risco (ver).

Quais condições são necessárias para que um risco seja segurável?

Mais precisamente, as condições necessárias para que um risco seja segurável são as seguintes: Grande número de eventos (Lei dos Grandes Números): já comentamos essa lei da Estatística, fundamental para a viabilidade dos seguros.

O que é um risco puro?

Determinados riscos puros são também chamados riscos seguráveis, ou seja, são os riscos que podem ser compartilhados por uma organização por meio da compra de seguros (ver seção 6.5.2, Seleção de opções de tratamento de riscos, da nova ISO 31000:2018).

O que é Seguravel?

1. Que se pode segurar. 2. Que se pode colocar no seguro ou em relação ao qual se pode fazer um contrato de seguro (ex.: bem segurável, riscos seguráveis).

LEIA TAMBÉM:   Qual impressora nao precisa de tinta?

O que pode ser objeto de seguro?

– INTERESSE: Sílvio Venosa aponta como objeto do seguro o interesse segurável, sendo o posicionamento mais correto entre os doutrinadores, na medida em que é o mais abrangente. Sob o rótulo de interesse segurável pode–se colocar qualquer relação econômica ameaçada ou posta em risco.

O que significa o artigo 757?

757: Pelo contrato de seguro, o segurador se obriga, mediante pagamento do prêmio, a garantir interesse legítimo do segurado, relativo à pessoa ou coisa contra riscos pré-determinados”.

Qual a classificação dos riscos?

Encontramos a classificação dos riscos na sua Norma Regulamentadora n0 5 (NR-5): 1. Riscos de acidentes. Qualquer fator que coloque o trabalhador em situação vulnerável e possa afetar sua integridade, e seu bem estar físico e psíquico.

Quais são os agentes de risco físico?

Consideram-se agentes de risco físico as diversas formas de energia a que possam estar expostos os trabalhadores, tais como: ruído, calor, frio, pressão, umidade, radiações ionizantes e não-ionizantes, vibração, etc. 4.

Quais são os riscos físicos?

LEIA TAMBÉM:   O que e Ruff Rider?

Riscos físicos. Consideram-se agentes de risco físico as diversas formas de energia a que possam estar expostos os trabalhadores, tais como: ruído, calor, frio, pressão, umidade, radiações ionizantes e não-ionizantes, vibração, etc. 4. Riscos químicos.

Quais são os riscos de acidentes?

1. Riscos de acidentes. Qualquer fator que coloque o trabalhador em situação vulnerável e possa afetar sua integridade, e seu bem estar físico e psíquico. São exemplos de risco de acidente: as máquinas e equipamentos sem proteção, probabilidade de incêndio e explosão, arranjo físico inadequado, armazenamento inadequado, etc. 2. Riscos ergonômicos.