Quais os tipos de violencias eram praticadas contra os escravos?

Quais os tipos de violências eram praticadas contra os escravos?

Duas formas de punição eram mais comuns: o açoitamento público, para quem havia sido julgado e condenado, e o chicoteamento no calabouço, que substituiu o castigo privado. “Os senhores tinham que pagar pelo serviço – não apenas pelos açoites e pelo tratamento médico subsequente, mas também por acomodação e alimentação.

Qual era a comida dos escravos no Brasil?

A alimentação do escravo numa propriedade abastada compunha-se de canjica, feijão-negro, toucinho, carne-seca, laranjas, bananas e farinha de mandioca. Igualmente, entre as classes populares comia-se farinha de mandioca, laranjas e bananas.

Qual o objetivo da violência contra os escravos no Brasil?

A violência praticada sistematicamente contra os escravos tinha o objetivo de incutir-lhes o temor de seus senhores e impedir que fugas e revoltas acontecessem.

Como se chamavam os escravos?

Os escravos chamados “boçais”, recém-chegados da África, eram normalmente utilizados nos trabalhos da lavoura. Havia também aqueles que exerciam atividades especializadas, como os mestres-de-açúcar, os ferreiros, e outros distingüidos pelo senhor de engenho. Chamava-se de crioulo o escravo nascido no Brasil.

LEIA TAMBÉM:   Quanto tempo demora para um jacare ficar adulto?

Como era a alimentação de escravo?

Eram, então, alimentados com farinha de mandioca, feijão e carne seca, e como observou o viajante Rugendas “não lhes faltam frutas refrescantes”. Uma vez adquiridos, a comida de escravo variava com sua função ou atividade. E, segundo Cascudo, variava pouco. A base era idêntica, diz ele, e apenas a incidência de alguma carne ou pescado para dar

Como se alimentavam os escravos das fazendas?

No Rio, no tempo de Debret, os escravos das fazendas “alimentavam-se com dois punhados de farinha seca, umedecidos na boca pelo sumo de algumas bananas ou laranjas”. E completava:

Qual era a Idade do escravo?

Muitos eram descritos como tendo 60 anos de idade, quando na verdade tinham entre 35 e 40. O escravo não podia ser simplesmente maltratado, pois custava caro e era a base da economia. Devia comer três vezes ao dia. Geralmente almoçava às 8 horas da manhã, jantava à 1 hora da tarde e ceava por volta de 8 ou 9 horas da noite.

Por que os escravos trabalhavam nas lavouras de Minas?

LEIA TAMBÉM:   O que e tecnologias Digitais na educacao?

Os escravos que trabalhavam nas lavouras de Minas não recebiam o tratamento humano que os ingleses da mineração de Morro Velho davam aos seus. O tratamento era pelo geral dos mais duros e até de monstruosa insensibilidade em muitos casos.